Seguidores

Versículo do Momento

LEIA A BÍBLIA

terça-feira, agosto 12, 2014

ROBIN WILLIANS EM PATCH ADAMS











Aos 63 anos de idade, o veterano ator Robin McLaurim Williams  foi encontrado morto na segunda-feira (11) em sua casa em Tiburon, na Califórnia. 

Nascido em Chicago, no dia 21 de julho de 1951, ficou famoso por interpretar o alienígena Mork na série de televisão 'Mork & Mindy' (1978).

Depois de experimentar sucesso como humorista em espetáculos de stand-up comedy, desfrutou de maior sucesso em Hollywood. 

O ator terminou ganhando papéis de destaque em diversos filmes dos anos 80 e construiu uma notável carreira no cinema. 

Williams foi protagonista nas comédias 'Popeye' (1980), 'Uma Babá Quase Perfeita' (1993) e 'A Gaiola das Loucas' (1996), também comoveu o público em dramas como 'Bom Dia Vitenã' (1987), 'Sociedade dos Poetas Mortos' (1989), 'Tempo de Despertar' (1990), 'O Pescador de Ilusões' (1991) e 'Gênio Indomável'.

Além de um Oscar como ator coadjuvante pelo filme 'Gênio Indomável' de 1998, ele foi premiado com dois prêmios Emmy, seis Globos de Ouro, dois prêmios do Screen Actors Guild e seis Grammys.

Participou da série de filmes 'Uma Noite no Museu' ao lado de Ben Stiller, e chegou a gravar as cenas da mais recente sequência do longa, que no momento está em fase de pós-produção.

William havia retornado à televisão, participava da série  'The Crazy Ones', ao lado de Sarah Michelle Gellar, que interpretava sua filha.

Apesar da carreira bem sucedida, teve uma turbulenta vida pessoal. 

Lutou contra problemas de saúde, o vício de cocaína e álcool por décadas e passou por dois divórcios.

No final dos anos 70 e começo dos anos 80, Robin Williams combateu o vício em cocaína, droga que largou após a morte por overdose do amigo e comediante John Belush - a quem havia visitado na noite da morte. 

Apesar de ter se livrado deste vício, o ator continuou tendo problemas com alcoolismo. 

Em 2006, o ator ingressou voluntariamente em uma clínica de reabilitação para tratar o alcoolismo depois de uma recaída após 20 anos de sobriedade. 

Em 2013, Williams voltou à clinica de reabilitação para fazer manutenção do tratamento contra o vício em álcool. 

No mês passado, se internou outra vez pelo mesmo motivo, estava em um setor da Hazelden Addiction Treatment Center, em Minnesota, que possui um programa focado em manter a sobriedade por longo prazo.

Casou três vezes: com Valerie Velardi, entre 1978 e 1983; com Marsha Garces, entre 1989 e 2008; e com Susan Schneider, com quem estava casado desde 2011. 

O ator era pai de quatro filhos: Zachary Pym, do primeiro casamento; Zelda Rae e Cody Alan, do segundo casamento; além do adotivo William Reeve, único filho do casal Dana Reeve e Christopher Reeve (o mais famoso ator de Superman), de quem o ator era muito amigo.

Segundo revelou a representante de Robin Willians à revista 'Variety', o ator vinha lutando contra uma depressão nos últimos tempos. 

No momento, autoridades do departamento forense suspeitam que Williams tenha cometido suicídio por asfixia. 

Às 22 horas do domingo passado foi a última vez que o ator foi visto vivo.
  
Nota pessoal: apreciei muito os papéis que ele interpretou, infelizmente a Bíblia é clara quando diz: "Pois, que adianta ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma?" -  Marcos 8.36. Ele passou a carreira inteira fazendo outras pessoas sorrirem, mas o seu fim foi trágico, provavelmente, se suicidou.

Apesar do dinheiro e da fama, estas não foram suficiente para garantir a felicidade, a saúde mental e espiritual. 

Triste fim para alguém que alegrou a tantos.

 


Holdings – Tel Aviv – Jafra – Israel 
Diácono Rilvan Stutz “O Servo com Cristo” 
O Blog Rei dos Reis - “A Serviço do Senhor 
Portal Interlegis.gov.br – Direitos Humanos – Membro 
Instituto de Pesquisas (Arqueológicas) – Israel – Membr 
Academia de Natânea – Israel – Membro 
Portal Shvoong (UBE - União de Blogueiros Evangélicos).


Rádio Rei dos Reis