Seguidores

Versículo do Momento

LEIA A BÍBLIA

segunda-feira, setembro 10, 2012

PROBLEMAS DE VISÃO

CUIDANDO DA SAÚDE










Geralmente pensamos logo nos nossos avós, pois a maioria dos idosos tem dificuldade para enxergar. Mas ao contrário do que se pensam os problemas de visão ocorrem na infância e adolescência. Pesquisas revelam que uma em cada cinco crianças em idade escolar sofre de problemas de visão. Uma criança não tem como comparar se está enxergando bem ou não e dificilmente vai se queixar o que pode trazer sérios problemas para o aprendizado e a saúde.

OS SINTOMAS PODEM SER:
Dificuldade de leitura: Quando você lê um livro, preste atenção se precisa aproximá-lo dos olhos ou se é necessário afastá-lo. Observe se as letras ficam meio embaçadas, como se tivesse uma nuvem de fumaça sobre seus olhos.

Piscar em excesso: Observe se você pisca muitas vezes ao focalizar algum objeto ou durante a leitura.

Sensibilidade exagerada à luz: Em ambientes claros a pessoa não consegue abrir os olhos totalmente, que em seguida começam a lacrimejar.

TERÇOL FREQUENTE:
É uma inflamação geralmente localizada nas pálpebras, como se fosse uma espinha grande, deixando a região avermelhada e inchada.


Dores de Cabeça: Geralmente durante ou após a leitura ou ao assistir televisão.

Tonteiras: Também são frequentes durante a leitura.

Se você tem algum desses sintomas deve consultar um oftalmologista que irá fazer alguns exames para confirmar se você tem ou não problemas de visão. Se for confirmado, é capaz de você escutar uns nomes bem esquisitos como miopia, hipermetropia e astigmatismo. Mas não precisa se assustar. Esses são os nomes específicos para cada problema. Quer conhecer?

ENTÃO CONFIRA ABAIXO:
Miopia - Dificuldade de enxergar de longe
Hipermetropia - Dificuldade de enxergar de perto

Astigmatismo - A imagem fica desfocada, meio embaçada devido a uma alteração na Córnea (camada transparente sobre a parte colorida).

Depois disso, certamente você deverá usar óculos. E nem pensar em ficar chateado e achar que você é o único. Pelo contrário. Os óculos vão te fazer enxergar tudo, bem direitinho. Seja de longe ou de perto. E além do mais, hoje em dia, existem óculos com armações bem modernas. Podem ser coloridos, redondos ou quadrados, grandes ou pequenos. Existem até alguns em que as armações são tão fininhas que ficam quase imperceptíveis.

É só escolher um que você se sinta bem ou fazer uma coleção. Já pensou que legal usar um óculos diferente todo dia ?
Então, nada de ficar com medo de ir ao médico fazer o exame. Você verá a vida com outros olhos.

ALERTA A POPULAÇÃO
Este ano foram registrados mais de 16 mil casos entre os meses de fevereiro e abril no Rio de Janeiro. Devido a isto, a população deve estar atenta para os riscos de um novo surto da doença na cidade. A conjuntivite causa inflamação na membrana que recobre a parte externa do olho (conjuntiva).

Por ser uma doença viral não possui tratamento, remédio ou vacina. Por isso, o único meio de combater a doença é a prevenção.

O QUE É CONJUNTIVITE?
Conjuntivite é a inflamação da conjuntiva, membrana transparente e fina que reveste a parte da frente do globo ocular (o branco dos olhos) e o interior das pálpebras. Em geral, ataca os dois olhos, podem durar de uma semana a 15 dias e não costuma deixar sequelas.

QUAIS AS PRINCIPAIS CAUSAS?
Contaminação do olho com bactérias ou vírus. Os dois tipos de infecção são contagiosos. As virais são as que mais frequentemente causam epidemias.

Irritação química é outra causa de conjuntivite. Os causadores podem ser a poluição do ar, sabonetes, spray, maquiagens, cloro, produtos de limpeza, etc.

Alguns indivíduos apresentam conjuntivite alérgica (sazonal), devido a alergia a polens.

COMO A CONJUNTIVITE É TRANSMITIDA?

Pode ser através do contado direto com secreções oculares de uma pessoa infectada transmitida principalmente pelas mãos, por toalhas, cosméticos ou indiretamente por meio de instrumentos, superfícies ou soluções contaminadas. É muito comum a contaminação dentro do meio familiar, isto é, o contato direto e indireto de um indivíduo infectado com outro da mesma família.

QUAIS SÃO OS SINTOMAS?
A combinação de vários sintomas pode estar presente na conjuntivite como: coceira, olhos avermelhados e lacrimejando em excesso, visão embaçada e sensível à claridade, inchaço das pálpebras, e ainda pode ocorrer também dor de cabeça, mal-estar geral e inflamação nos gânglios.

QUAIS SÃO OS MÉTODOS PREVENTIVOS?
Evitar por as mãos nos olhos e mantê-las sempre limpas. Por ser uma doença transmitida através do contato com qualquer coisa contaminada, os cuidados com a higiene devem ser rigorosos.

Não compartilhar travesseiros, toalhas de rosto e de banho, sabonetes, óculos, maquiagem ou qualquer outro objeto de limpeza.

Limpar os olhos some
nte com materiais descartáveis.

Não frequentar ambientes coletivos como shoppings, cinemas, piscinas e praias.

Os pacientes devem ser afastados do ambiente de trabalho e escola para evitar a cadeia de transmissão da doença, por um período de 15 dias.









Holdings - Tel Aviv - Jafra - Israel
O Blog " A Serviço do Senhor "
Diác. Rilvan Stutz "O Servo com Cristo "

Paulo Rachell - Membro Shvoong


Rádio Rei dos Reis