Seguidores

Versículo do Momento

LEIA A BÍBLIA

domingo, abril 22, 2012

LIDERANÇA NA BÍBLIA

=EDIFICAÇÃO







============================Rede de Divulgação


A Bíblia não é só um repositório de orientação espiritual e de visão religiosa, mas também é a maior coleção de estudos de caso de liderança já escrita e disponível para todos. As histórias de profetas, reis, guerreiros, estrategistas e visionários no Velho Testamento revelam qualidades de liderança surpreendentemente aplicáveis a profissionais, executivos, homens de negócios e empreendedores de hoje. Estudando e analisando a Bíblia por este prisma, pudemos identificar dez traços essenciais que caracterizam a atuação e a personalidade de seus personagens e que são identificados em líderes da atualidade.

Honestidade e Integridade - Samuel, Paulo e Isaias estão entre muitos líderes bíblicos que demonstram estas qualidades. Por outro lado, no mundo de hoje, James Burke, Warren Buffet e Herb Kelleher oferecem modelos de liderança em que honestidade e integridade são praticadas e valorizadas.

Propósito - Heróis bíblicos incluem Moisés que guiou seu povo com segurança e firmeza até a Terra Prometida e entre os líderes atuais pode citar Steve Jobs, criador do primeiro micro computador pessoal, a Apple. A história de Jobs está intimamente ligada à história da microinformática. Após o sucesso do Apple e enfrentando a concorrência dos IBM-PC, inova novamente lançando Macintosh, revolucionando outra vez a tecnologia do PC. Afasta-se da empresa por alguns anos e é requisitado para voltar com um propósito de recolocar a Apple, então decadente no lugar merecido. Ele então surpreende o mundo criando e lançando o IPod. Steve Jobs não é um herói bíblico, mas poderia sê-lo pela perseverança e determinação que têm sempre conduzido suas ações de liderança.

Bondade e Compaixão - Jesus Cristo, que nos deu a Regra de Ouro, disse: "Aja com os outros como gostaria que os outros agissem com você". Não se deve afirmar que com bondade e compaixão somente, você possa liderar pessoas, principalmente quando se tem objetivos de curto prazo, mas muitos líderes atuais descobriram que com compaixão e bondade, você melhora o relacionamento com subordinados, clientes e fornecedores. Neste item destacamos líderes como Howard Schultz, Aaron Feuerstein e Roy Vagelos.

Humildade - Uma das figuras bíblicas que nunca perdeu de vista sua própria falibilidade foi Pedro, o Apóstolo. Por diversas vezes teve a oportunidade de manifestar publicamente suas fraquezas e praticar a humildade. É forte o exemplo de Jó, e significativo a humildade muitas vezes praticada pelo Rei David. No mundo moderno um exemplo forte é de Larry Brossidy, ex-CEO da Allied Sinal, que dizia: "ser CEO significa que devíamos saber tudo, e que, no entanto devia-se ter humildade para reconhecer que em muitas ocasiões era preciso aprender para depois tomar decisões".

Comunicação - O sermão da montanha, de Jesus Cristo, a exortação de Moisés aos Israelitas ao guiá-los pelo deserto, os Dez Mandamentos, as trombetas e as palavras de Josué e o evangelista Lucas foram exemplos de comunicação e comunicadores da Bíblia. Aliás, esta característica tem sido fundamental na preservação da história, da cultura e da religiosidade através dos tempos. No mundo moderno, a comunicação deve também ser uma das maiores características do líder, Andy Grove, Sam Walton e Mary Kay Ash representam muito bem os exemplos no mundo dos negócios de hoje.

Gerenciamento de Desempenho - A Bíblia relata que Noé, Salomão e Jeremias foram exemplos excepcionais no que tange a gerenciar desempenho. Noé, por exemplo, só pode cumprir sua missão à medida que seu desempenho e de seus subordinados obtivessem os resultados objetivados. Salomão, além de ser lembrado por sua extrema sabedoria, é reconhecido por sua capacidade de cumprir e fazer cumprir objetivos. Lou Gerstner, Gordon Bethune e Jack Stack são exemplos de líderes que se destacam por sua firmeza, mas sempre muito justos com seus subordinados.

Desenvolvimento de Equipe - Na Bíblia, o termo equipe não é utilizado, mas sempre foram valorizadas as pessoas por sua capacidade de trabalhar em grupo. Apesar dos textos bíblicos apresentarem citações de atuações individuais, a valorização de liderar e conduzir grupos merece um tratamento especial e citações específicas. Jesus Cristo formou, liderou e motivou um grupo de pessoas que deram continuidade a seus ensinamentos. Neemias, no Velho Testamento, é um dos líderes que mais compreendeu o poder e a força de trabalhar em grupo. No mundo de hoje, Phil Jackson, atual treinador dos Lakers de Los Angeles, campeão da NBA em 2009, com mais nove títulos ganhos anteriormente, é um exemplo forte e atual de capacidade de formação e condução de equipes. Foi ele que há alguns anos formou e conduziu ao sucesso o grande Chicago Bulls, de Michael Jordan.

Coragem - A coragem talvez seja umas das características mais notáveis dos líderes bíblicos. Daniel na cova dos leões foi um exemplo de coragem que extrapola o mundo real e ganha contornos de milagre. Sua força e coragem fizeram dele um exemplo e uma comprovação da participação espiritual. Muitos outros líderes citados na Bíblia são exemplos de coragem ao defender uma causa, mesmo em risco e exposição da própria vida. Rudolph Giuliani, então prefeito de New York, mostrou coragem e liderança ao conduzir toda uma comunidade a reagir de maneira positiva e produtiva aos ataques terroristas de 11 de Setembro de 2001, quando dois aviões foram atirados contra as Torres Gêmeas, destruindo e matando milhares de pessoas. Coragem é uma característica fundamental e decisiva na condução de pessoas.

Justiça e Equidade - Um líder verdadeiro deve tratar seus subordinados com respeito a seus direitos básicos, e sem favoritismo. Uma empresa não é uma democracia plena, mas os gerentes que não lideram com justiça e eqüidade terão sempre muito mais dificuldades de conduzir seus subordinados e logo perderão a confiança e a lealdade de seus seguidores. Tiago e José acreditaram profundamente em dar aos outros sua "parte justa". O Levi-Strauss foi uma força poderosa para a justiça social e econômica. Eles foram uma das primeiras empresas a adotarem a agenda de responsabilidade social. Quando do terremoto em São Francisco, mesmo não podendo produzir e vender nenhuma peça continuou a pagar regularmente o salário dos funcionários. Este é um exemplo de justiça e equidade.

Desenvolvimento da Liderança - Li recentemente o livro "O Seu Legado de Liderança", dos autores Robert Galford e Regina Maruca, que afirmam da importância dos líderes em se preocuparem com seus legados, e em decorrência tornarem-se melhores líderes. O compromisso com a liderança está muito mais no compromisso de criar e desenvolver novas lideranças para que haja continuidade e preservação do negócio. Jesus foi o líder dos líderes. Formou e desenvolveu lideranças que deram continuidade, preservaram e difundiram seus ensinamentos. Moisés foi outro exemplo na formação de lideranças. Jack Welch, nos tempos modernos, assegurou que as organizações continuassem e prosperassem depois dele.

Não deve ser entendido como uma "revelação" que os traços e as habilidades dos líderes na Bíblia também sejam exibidos pelos líderes no mundo de hoje. Ao contrário, os líderes atuais podem e devem se espelhar nos exemplos de vida, postura, comportamento, objetividade, comprometimento, perseverança e fé, para tornarem-se realmente bem-sucedidos. A história nos mostra que o grande desafio do líder é tomar a decisão. A história nos mostra ainda que os grandes erros e acertos sejam frutos da tomada de decisão. À medida que você tem exemplos e casos de sucesso para utilizar como referência, a possibilidade de acerto é maximizada.

Sustentando as decisões dos líderes na Bíblia, existe sempre a figura de Deus transmitindo segurança e confiança. Seria um contrassenso para eu deixar de lado esta interferência divina. Eu diria ainda mais, que o fato de saber e pensar que Deus está nos apoiando nos dão força, confiança e segurança. No entanto, ainda afirmo que independentemente de uma crença religiosa, a atuação dos líderes relatados na Bíblia por si só serve de exemplo e inspiração para os líderes de hoje.











Igreja Presbiteriana do Brasil
O Blog " A Serviço do Senhor "
Diác. Rilvan Stutz " O Servo com Cristo "
Membro Acadenia Brasileira de Marketing
Editor Milton Mira - Pres. M.Books


Rádio Rei dos Reis