Seguidores

Versículo do Momento

LEIA A BÍBLIA

quinta-feira, março 17, 2011

O QUE SÃO ALIMENTOS FUNCIONAIS?

CUIDANDO DA SAÚDE








Todos alimentos funcionais ou nutracêuticos são aqueles que colaboram para melhorar o metabolismo e prevenir problemas de saúde. Ou pelo menos deveriam ser assim: os cientistas já reconhecem as propriedades funcionais de muitos desses alimentos, porém os estudos ainda não são conclusivos. “A ciência ainda não consegue determinar uma dieta diária de alimentos funcionais que atenda a todas as necessidades do organismo”, explica Valdemiro Sgarbieri, da Faculdade de Engenharia de Alimentos da Unicamp. Essas substâncias não são novidade, como às vezes prega a indústria de alimentos.


As isoflavonas, por exemplo, compostos que ajudam na redução do colesterol ruim, fazem parte da alimentação humana desde que a soja foi descoberta pelos chineses, há mais de 5 000 anos. O que vem acontecendo é um aprofundamento nos conhecimentos da natureza química das substâncias funcionais e das suas funções no organismo. Com isso, os laboratórios e a indústria alimentícia passaram a produzir, em larga escala, alimentos funcionais formulados ou “artificiais”, como leites fermentados, biscoitos vitaminados e cereais matinais ricos em fibras.


Para chegarem ao mercado, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária exige que o fabricante apresente provas científicas das propriedades funcionais alegadas na embalagem. Mas não se entusiasme demais com os rótulos: 1 litro de leite com ômega 3, por exemplo, oferece menos desse ácido graxo que uma posta de salmão.


Fonte: Inar de Castro, pesquisadora da Faculdade de Ciências Farmacêuticas da USP.

Betacaroteno

O que faz: Ajuda a diminuir o risco de câncer. Como age: Quando ingerimos gorduras e proteínas, o betacaroteno se converte em vitamina A, protegendo as células do envelhecimento. Onde encontrar: Abóbora, cenoura, mamão, manga, damasco, espinafre, couve.


Isoflavonas

O que fazem: Atenuam os sintomas da menopausa. Como agem: Por ter uma estrutura química semelhante ao estrógeno (hormônio feminino), alivia os efeitos de calor e cansaço da menopausa e da tensão pré-menstrual.

Onde encontrar: Soja e seus derivados.


Licopeno

O que faz: Está relacionado à diminuição do risco de câncer de próstata. Como age: Evita e repara os danos dos radicais livres que alteram o DNA das células e desencadeiam o câncer. Onde encontrar: Tomate e seus derivados, além de beterraba e pimentão.


Ômega 3

O que faz: Diminui o risco de doenças cardiovasculares. Como age: Reduz os níveis de triglicerídeos e do colesterol total do sangue, sem acumulá-lo nos vaso sanguíneos do coração. Onde encontrar: Peixes de água fria, como salmão e truta, e óleo de peixes.


Flavonóides

O que fazem: Diminuem o risco de câncer e atuam como antiinflamatórios. Como agem: Anula a diotância altamente tóxica usada em agrotóxicos. Onde encontrar: Suco natural de uva e vinho tinto, além de alimentos como café, chá verde, chocolate e própolis.


Probióticos O que fazem: São microorganismos vivos que ajudam no equilíbrio da flora intestinal. Como agem: Impedem que bactérias e outros microrganismos patogênicos se proliferem no intestino.

Onde encontrar: Iogurtes e leite fermentado.





www.reierei.blospot.com












Igreja Presbiteriana do Brasil

O Blog - "A Serviço do Senhor"

Rilvan Stutz - "O Servo com Cristo!"

Rafael Tonon - Membro - Shvoong

Rádio Rei dos Reis