Seguidores

Versículo do Momento

LEIA A BÍBLIA

segunda-feira, abril 07, 2014

IDEOLOGIA DE GÊNERO NA EDUCAÇÃO? NÃO! OBRIGADO!







No final do ano passado, foi votado no Senado Federal o projeto para o Plano Nacional de Educação. O PNE contém as diretrizes para todo o sistema educacional brasileiro para os próximos anos. Dentre os diversos problemas que se encontram no texto, o mais grave deles é a inserção da Ideologia de Gênero em nosso sistema educacional. Na ocasião, os senadores rejeitaram a tentativa de tornar obrigatório o ensino dessa ideologia em nosso sistema educacional. 

Após a votação no Senado, o PNE foi para a Câmara dos Deputados, onde será votado por uma Comissão Especial. A votação final ocorrerá no dia 19, na próxima semana. Vários deputados afirmaram que são favoráveis à obrigatoriedade da inserção da Ideologia de Gênero. Além disso, o relator da comissão, o deputado Álvaro Vanhoni, do PT do Paraná, adotou a mesma posição defendida pelo presidente da ABGLT, ou seja, a defesa da inclusão da Ideologia de Gênero no sistema educacional brasileiro.


Como já foi explicado em outra ocasião, a Ideologia de Gênero é uma técnica idealizada para destruir a família como instituição social. Ela é apresentada sob a maquiagem da "luta contra o preconceito", mas na verdade o que se pretende é subverter completamente a sexualidade humana, desde a mais tenra infância, com o objetivo de abolir a família.


Além disso, a palavra “gênero”, segundo os criadores da Ideologia de Gênero, deve substituir o uso corrente de palavra “sexo” e referir-se a um papel socialmente construído, não a uma realidade que tenha seu fundamento na biologia. Desta maneira, por serem papéis socialmente construídos, poderão ser criados gêneros em número ilimitado, e poderá haver inclusive gêneros associados à pedofilia ou ao incesto.

É o que diz, por exemplo, a feminista radical Shulamith Firestone: “O tabu do incesto hoje é necessário somente para preservar a família; então, se nós nos desfizermos da família, iremos de fato desfazer-nos das repressões que moldam a sexualidade em formas específicas”. Ora, uma vez que a sexualidade seja determinada pelo "gênero" e não pela biologia, não haverá mais sentido em sustentar que a família é resultado da união estável entre homem e mulher.


Se estes novos conceitos forem introduzidos na legislação, estará comprometido todo o edifício social e legal que tinha seu sustento sobre a instituição da família. Os princípios legais para a construção de uma nova sociedade, baseada na total permissividade sexual, terão sido lançados. A instituição familiar passará a ser vista como uma categoria “opressora” diante dos gêneros novos e inventados, como a homossexualidade, bissexualidade, transexualidade e outros. 

Para que estes novos gêneros sejam protegidos contra a discriminação da instituição familiar, kits gays, bissexuais, transexuais e outros poderão tornar-se obrigatórios nas escolas. Já existe inclusive um projeto de lei que pretende inserir nas metas da Lei de Diretrizes e Bases da Educação nacional a expressão “igualdade de gênero”.

Por isso, temos de nos manifestar imediatamente e pedir aos deputados que rejeitem inteiramente a introdução da Ideologia de Gênero em nosso sistema educacional. 


Guilherme Ferreira · Belo Horizonte, 10 março 2014


Solicitamos sua colaboração, você pode fazer algo, vote contra esta "POSIÇÃO" Absurda!
Vá até ao Portal da Família - www.portaldafamilia.org - Neste Portal existe a sua direita, uma placa "amarela" ao alto, uma "PLACA DE VOTAÇÃO", Deixe seu protesto!






Holdings Tel Aviv – Jafra – Israel
Dc. Rilvan Stutz “O Servo com Cristo”
O Blog “A Serviço do Senhor""
Portal Interlegis.gov.br – Direitos Humanos –Membro
Academia de Natânea- Membro – Israel
Instituto de Pesquisas (Arqueológicas) Membro Israel
Portal Shvoong Rilvan Stutz - Membro
 

domingo, abril 06, 2014

PASTOR DAVID BAETA UM PASTOR NA “GLÓRIA DO SENHOR!”







 




Igreja Batista Em Moça Bonita  Padre Miguel – Rio de Janeiro.

O Blog “Rei dos Reis” Amigo deste grande homem, nos presenteou um artigo maravilhoso, como sempre o fez,  boletim da Igreja Batista e sempre  publicado neste Blog com seu consentimento!


QUE AO BRAÇOS DO SENHOR ESTEJA AMPARANDO O AMADO IRMÃO, ROGAMOS QUE O “PARAÍSO CELESTE, SEJA SUA MORADA ETERNA!”

Deus esteja contigo amigo Rev. David Baeta! Abaixo o texto ofertado pelo Rev. David Baeta.

===========================================================

JESUS, O HERÓI AFETUOSO! 


"Tende cuidado, irmãos, jamais aconteça haver em qualquer de vós perverso coração de incredulidade que vos afaste do Deus vivo" Hb 3:12.

Não temos a menor dúvida que nos dias de hoje, fabricamos nossos heróis. É indiscutível que todos nós precisamos de heróis. Isto é comum no ser humano. Entretanto, precisamos estar atentos para as propagandas  sobre heróis  enganosos.

Há pessoas e personagens da “banda do mal”, homens e mulheres de moral dúbia ou até mesmo de moral declaradamente má que se mostram ou são apresentados como heróis, mas na verdade não são.

Ao mesmo tempo somos invadidos por ideias, por filosofias propagandistas e por outros tipos de pensamentos e por outros tipos de pensamentos presentes em heróis fictícios que, inclusive nos tiram da realidade.

Por exemplo, todos nós quando criança gostava muito de assistir filmes como Super-Mam, Batman e Robin e quantos outros que não lembramos, elegemos nossos heróis e quantas vezes nos vimos na pele daqueles heróis, quantas vezes sonhamos ser iguais a eles, podendo voar em velocidade maior que a bala de um revolver, sendo invulnerável, tendo um batcar (carro do Batman) e tantas outras coisas que nos tiravam da realidade neste tempo passado.

Só que de repente, com o passar do tempo, caímos na realidade, vemos uma a vida cruel que está a nossa frente e em muitos momentos estamos impotentes diante das crueldades.

Os heróis que sonhamos são impotentes e irreais, foi um tempo dos sonhos e que, em muitos causaram grandes danos.

A verdade única é que na Igreja conhecemos nosso Herói verdadeiro. Na Igreja aprendi quando criança e vivia estes dois momentos “Igreja e Mundo”, aprendi lições básicas sobre Jesus, o qual se tornou meu Herói de verdade.

Quando criança aprendeu que Jesus trabalha dentro da realidade da história e não em um ambiente de ficção. Ele falou e fala sempre a verdade.

Aprendi que Ele não era invulnerável, ao contrário podia ser tentado em tudo (H.4.15) e tinha a forma e a essência humana.

Aprendi que Ele sofreu muito, que foi ferido devido aos meus pecados, que travou batalhas com o inimigo, e que em tudo saiu vencedor.

Como tenho saudade do tempo de criança e dos heróis fictícios, não podemos dizer que não faz parte da vida de uma criança, só precisamos conduzi-las ao verdadeiro Herói da Vida! Jesus Cristo o maior! Isto é imprescindível!

Através da Igreja e seus preciosos ensinamentos, elegi Jesus Cristo meu Herói. Com o passar do tempo fui crescendo e aprendendo mais sobre Jesus afetuoso, sobre Sua maneira sempre gentil de tratar as pessoas, sobre o amor demonstrado e disponível, sobre o grande Herói que Ele é.

Aprendi a ser seletivo, a olhar o caráter de quem se diz herói. Na verdade Jesus Cristo é nosso maior amigo, é o que merece nossa exclusividade, é nosso Herói afetuoso que ensina o verdadeiro sentido da vida.



Pastor David Baeta em Homenagem!



Blog Rei dos Reis

Rilvan Stutz 





Holdings Tel Aviv - Jafra - Israel
Dc. Rilvan Stutz " O Servo com Cristo"
Portal Interlegis.gov.br - Direitos Humanos - Membro
Academia de Natânea - Membro Israel
Instituto de Pesquisas (Arqueológicas) Membro - Israel
Portal Shvoong - Rilvan Stutz - Membro
 
 







              

Rádio Rei dos Reis