Seguidores

Versículo do Momento

LEIA A BÍBLIA

terça-feira, janeiro 05, 2010

QUANDO O COMPUTADOR DESTROI FAMÍLIAS

EDIFICAÇÃO




Toda árvore que não produz bom fruto é cortada e lançada ao fogo. Assim, pois, pelos seus frutos os conhecereis. Mateus. Cap. 7. 19 e 20.
=
Acredito que este texto pode se tornar um bom alerta para nossa tão querida família. Alguém me disse assim: você com esta forma de pensar está se dirigindo apenas às famílias de classe média e baixa? Isto falam pela qualidade de vida de alguns, acredito que não!
=
A alta classe se enquadra no mesmo problema. Em determinada época, um País de grande porte que começava a debater este problema com uma simples pergunta: em que situação o computador poderia causar danos a família? Lembro-me que o assunto foi muito vasto e polêmico, na época não se chegou à conclusão nenhuma, pois o progresso da informática continuou surpreendendo e alterando rapidamente certos costumes familíares.
=
Lembro-me também que falavam muito de uma geração que se formava. A geração da batata frita, hambúrguer e da coca-cola. Hoje já podemos visualizar como nos compromete. Nesta grande Nação já existe resultados negativos e procuram soluções imediatas. O costume deteriorou a muitos, progrediu e hoje sabemos que em tal lugar existem sérios problemas, sabemos muitos estão além! Não cabem nesta texto, neste blog.
=
EDUCAÇÃO
É inquestionável a utilidade do computador, reconhecemos que já não vivemos sem ele, principalmente na área do trabalho, enfim é realmente de grande utilidade e somos expectadores desse magnífico progresso da informática, a cada minuto tomamos conhecimento de algo novo, este mundo cresce nesta área assustadoramente. Reconhecemos que nas Escolas, Faculdades e Empresas, já não podem faltar. É o Mundo que caminha neste modernismo, este é o lado bom do magnífico aparelho, colabora com o progresso.
=
IRRESPONSABILIDADE
Somos obrigados a olhar também por outro ângulo, o excesso”. Amigos e irmãos, ainda existem discuções que nos preocupam, o avanço na área Industrial, neste caso sempre existe muita injustiça, o momento de seleção de candidatos ao trabalho é extamente nesta área da infomática, a maior disputa do trabalho. Sabemos a disputa é grande e ingrata, lá está o computador, sendo veículo de injustiças como temos visto e somos testemunhas.

O LAR
Outro aspecto a se observar é nosso lar, foram invadidos por tal costume. Aí nos preocupamos com a educação familiar, nossos filhos. Quem não pode dizer que há uma necessidade de “vigilância” diária, ali está o perigo, se torna o centro de nossa preocupação, minha preocupação vai ser sempre diferenciada, isto não resta duvidas. Seria muito bom que as famílias em primeiro lugar, tomassem está iniciativa, se preocupassem mais com o
“quarto do seu filho”, observem que até em altas horas da noite, lá está o nosso computador na companhia do meu filho. Luz acessa no quarto, e lá está ele fazendo sabe-se lá o que? Estamos vigiando? Impondo critérios? Acredito que muitos poucos.
=
CORRUPÇÃO E ADULTÉRIO
Não precisamos mais enumerar casos de corrupção e adultérios via computador, infelizmente! O mercado de trabalho está em constante alerta. A família também não há mais duvidas, somos testemunha da tristeza causada por este aparelho. Rouba-se pelo computador, danifica-se o aparelho do próximo, procura-se amor (o meu namorado), maridos e esposas já se deixam levar por este mal, basta uma vivência sofrida e lá vem a tentativa de busca da felicidade fora do lar.
=
SOLUÇÕES EXISTEM?
Achamos muito difícil nesta trilha, encontraremos solução imediata. Realmente não sabemos onde iremos parar e nem como visualizar um futuro neste campo. Sabemos sim! Com o amparo biblico, assim seria o fim dos tempos, muitas outras surpresas aparecerão, o ladrão vem pela noite, nosso Senhor Jesus Cristo nos ensinou em “outras palavras!” Não te expantes! milhares de problemas chegarão. (nossa colocação).
=
Perguntemos mais uma vez: SOLUÇÕES EXISTEM? Permanece uma grande duvida: PODEMDEREMOS FAZER ALGO? Observando que temos falhado, temos sim! Fechamos nossos olhos para problemas sérios, a omissão aparece, estamos cuidando muito de nós mesmos, o tempo tem sido nosso inimigo, perdemos muitas chances.
=
Refletindo bastante, ainda acreditamos que existe solução, em tudo podemos no Senhor. Para isto precisamos olhar mais para esta questão, para o meu lar, orar pelo País e suas grandes Empresas. O que temos feito por nossos filhos, minha esposa, meu marido?

Talvez seja simples para uns, mas para outros falta experiência e esperança, pois aí acreditamos existir falta do planejamento, sabedoria, confiança no Senhor. Não podemos deixar de reconhecer que o preparo de muitos vem de berço, aí tudo se torna mais fácil. Par o mundo secular existe solução? Também acreditamos que sim, pois acreditamos no Senhor, tudo Ele pode, o que falta no lar, na Empresa, é tão simples? “Pergunte ao Senhor Jesus Cristo!” “Ele é a solução!”. Assim acreditamos e oramos por um mundo melhor, depositamos nossas orações aos Pés do Senhor.

Gostaríamos de finalizar afirmando que testemunhos negativos de muitos, são reais. Hoje, não acreditam em mal algum, somos criticados, mas não vamos nos levar por opiniões do mundo, passamos a nos dedicar as sábias orientações bíblicas, ela nos dará a solução perfeita. Amém.




Holdings. Tel – Aviv – Jafra - Israel
Por Diác. Rilvan Stutz – Membro Shvoong
Catedral Presbiteriana do Rio de Janeiro

DIFÍCIL DIAGNÓSTICO DA ESCLEROSE MULTÍPLA IMPEDE TRATAMENTO ADEQUADO DA DOENÇA

CUIDANDO DA SAÚDE




Uma forte cãibra nas pernas e formigamento nas pontas dos dedos das mãos e dos pés. Foram esses os primeiros sintomas da esclerose múltipla, que começou a se manifestar, há sete anos, a dona de casa Maria das Graças Ferreira.
=
“Fiquei um ano tratando com ortopedista e as cãibras sempre aumentando”, lembra. A dona de casa só tomou o conhecimento de que era portadora da doença depois que a irmã a levou a um neurologista. “A doutora mandou fazer mapeamento cerebral e foi assim que eu soube”, relata Maria das Graças.
=
A doença do sistema nervoso é de difícil diagnóstico e esse é o principal motivo que leva ao baixo índice de pessoas que são tratadas adequadamente no Brasil.
=
De acordo com a Associação Brasileira de Esclerose Múltipla (Abem), dos 30 mil portadores da doença no país, apenas 5 mil fazem o tratamento corretamente. “É uma doença que não se descobre em pouco tempo. É preciso que vários exames sejam feitos. Depende de cada pessoa e dos sintomas dela. Não tem um dado como que dia, que hora, que momento que a doença aparece. O sintoma surge até no escuro. A gente fala que ele pode aparecer até de noite e você estar dormindo”, diz a presidente da Sociedade de Esclerose Múltipla de Brasília (Semb), Elizabeth Tozetti.
=
A esclerose múltipla ativa o sistema imunológico da pessoa contra suas próprias estruturas neurológicas. Dentre os sintomas da doença estão: visão borrada ou dupla, fadiga, fraqueza, formigamento, dormência nos braços ou pernas, incontinência fecal ou urinária, dificuldade para falar, relatos de apatia, desatenção, euforia e choro súbito.
=
O mal não tem cura, mas os medicamentos inibem os surtos de seus sintomas e permitem que o portador tenha uma vida praticamente normal. “A única coisa que ainda me dá é falta de equilíbrio, de coordenação motora e, às vezes, confundo a voz na hora que vou falar, ela fica enrolada”, conta Maria das Graças, que se submete três vezes por semana à aplicação de remédios.
=
Ainda não se sabe muito sobre a doença. As causas que levam uma pessoa a desenvolver a esclerose múltipla são quase que desconhecidas. Fatores genéticos ainda foram descartados pela medicina. “Não se fala nisso ainda. Tem muito estudo para fazer. Mas, hoje em dia, ainda não se diz que é hereditário, de jeito nenhum”, explica a presidente da Semb.A falta de avanços nos estudos sobre a esclerose é um dos fatos que motivou a Federação Internacional de Esclerose Múltipla (MSIF) a instituir, neste ano, 27 de maio como o Dia Mundial da Esclerose Múltipla.



Holdings. Tel - Aviv - Jafra - Israel
Portal Uai - Agência Brasil- Brasília
Diác. Rilvan Stutz - Membro Shvoong
Catedral Presbiteriana do Rio de Janeiro