Seguidores

Versículo do Momento

LEIA A BÍBLIA

quinta-feira, setembro 10, 2009

TÉTANO

CUIDANDO DA SAÚDE

O tétano ou mal de sete dias é uma doença infecciosa, aguda e geralmente fatal que acomete o sistema nervoso humano. É Caractarizado por espasmos severos dos músculos voluntários e por convulsões.

Os sintomas são causados por uma toxina produzida pela Clostridium tetani uma bactéria anaeróbica que pode infectar ferimentos profundos onde não há oxigênio disponível. Seus esporos podem ser encontrados nos solos e em fezes de animais. O período de incubação é frequentemente de 5 a 10 dias. O sintoma mais usual é o endurecimento da mandíbula, o qual progride para a dificuldade de se abrir a boca.

Outros sintomas incluem a dificuldade de engolir, enrijecimento dos membros, febre, dor de cabeça e garganta irritada. Convulsões e morte podem ocorrer em seguida. O prognósico é pobre se os sintomas progredirem rapidamente ou se o tratamento com a antitoxina tetânica é demorado. As crianças são imunizadas rotineiramente pela vacinação com o toxóide. Doses de reforço são administradas periodicamente, ou quando ferimentos preocupam quanto a infecção pelo tétano.

Há três formas clínicas distintas de tétano: local (incomum), cefálico (raro), e generalizado (o mais comum). O tratamento generalizado é aplicado em 80% dos casos.

Tratamento

A ferida deve ser limpa. É administrado antídoto, um anticorpo que se liga à toxina e inibe a sua função. São também administrados fármacos relaxantes musculares, como curare. A penicilina e o metronidazol eliminam as bactérias mas não têm efeito no agente tóxico que elas produzem. Os depressores do sistema nervoso central Diazepam e DTP também são dados, reduzindo a ansiedade e resposta espásmica aos estímulos.







Holdings. Tel - Aviv - Jafra - Israel
Dra. Sajeev Vasudevan - Membro Shvoong

Diác. Rilvan Stutz - Membro Shvoog
Catedral Presbiteriana do Rio de Janeiro

Rádio Rei dos Reis