Seguidores

Versículo do Momento

LEIA A BÍBLIA

terça-feira, abril 07, 2009

JESUS PARA UM MUNDO EM CRISE

EDIFICAÇÃO
=
O último trimestre do ano passado e este início de ano foram marcados pelo pânico e pela instabilidade dos mercados financeiros em todo o mundo. As bolsas de valores despencaram, a cotação do dólar disparou, milhões e milhões de dólares desapareceram nos chamados títulos virtuais. Empresas e “investidores” compraram ouro. As pessoas, as instituições e os Estados estão preocupados e perplexos.
=
Diante desta realidade, o economista francês, François Chenais, em recente palestra apresentada em Buenos Aires, Argentina, considerou que “vivemos muito mais que uma crise financeira, mesmo estando agora nessa fase. Estamos diante de uma crise muitíssimo mais ampla. Ora bem, tenho a impressão, pelo tom das diferentes perguntas e observações que me fizeram, que muitos são da opinião que estou a pintar um cenário de tipo catastrofista, de desmoronamento do capitalismo… Na realidade, creio que estamos diante do risco de uma catástrofe, mas já não do capitalismo, e sim de uma catástrofe da humanidade. De certa forma, se tomarmos em conta a crise climática, possivelmente já existe algo assim…”
=
Num cenário como este lembro-me da parábola contada por Jesus. A história narrada pelo Senhor falava de um rico fazendeiro que acumulara bens, dinheiro e prosperidade. Seu coração estava tranquilo e seguro, pois não lhe faltava nada. Através de muito trabalho e boa conjugação das etapas climáticas, aquele homem não se preocupava com o futuro. A vida seria só desacansar, comer, especular, investir e curtir.
=
Mas Jesus denuncia a fragilidade da condição humana. Ao contar tal história, o Senhor lança aos homens e às mulheres inseridos em qualquer tempo e conjuntura uma série de princípios que podem fazer a diferença em tempos de crises e perdas. São eles: a vida pode ser mais breve do que pensamos; a certeza de hoje pode ser transformada na instabilidade de amanhã; aquilo que você tem pode ser perdido a qualquer momento; não possuímos controles sobre todas as variáveis da vida, particularmente sobre nossa própria existência; a vida que temos e os bens que possuímos devem ser partilhados - este é o verdadeiro tesouro de Deus para aqueles que aprenderam a diferença entre serem ricos para si mesmos e os demais, que descobriram a alegria e a paz em serem ricos para o Senhor.
=
Quem sabe, esta crise não é uma das inúmeras oportunidades de Deus para que estejamos aprendendo que todos os poderes, em algum tempo, caem; e que a generosidade de dividir e compartilhar é o melhor caminho para que a justiça e a dignidade se façam presentes para a vida de todas pessoas e não apenas para aqueles que acreditam possuir a situação sobre controle.







Holdings. Tel - Aviv - Jafra - Israel
Rev. Sergio Andrade - Catedral Angelicana
Ministério Pão Quente Diário
Diác. Rilvan Stutz - Membro Shvoong
Catedral Presbiteriana do Rio de Janeiro

Rádio Rei dos Reis